Quinta-Feira, 27 de Janeiro de 2022 |

Chuvas sobem o nível do rio Gravataí, mas gerente da CORSAN mantem o alerta sobre os cuidados

Na manhã de quinta-feira, 06/01, captação estava em 1,40m, considerado estágio de alerta

Por Redação em 07 de Janeiro de 2022

"Registro da região de captação da água ocorreu na manhã de quinta-feira, 06/01" (Foto: Divulgação)


Devido à estiagem severa e prolongada que atinge o Rio Grande do Sul, os pontos de captação da Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN) estão extremamente baixos em diversos municípios gaúchos. Em comunicado, a estatal informa que vem trabalhando 24 horas por dia e tomando todas as ações necessárias para garantir o abastecimento e evitar racionamento.

Situação de Alvorada

A captação no rio Gravataí para atividade agrícola está suspensa desde terça-feira, 28/12. A medida visa garantir o abastecimento público de água de Cachoeirinha, Gravataí, Alvorada e Viamão. O acordo entre a Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Infraestrutura, a CORSAN e o Comitê Gravatahy mantêm a suspensão da captação agrícola enquanto a situação do manancial não se regularizar.

Na terça-feira, 04/01, o nível do rio era crítico e estava em 0,49m. Já na quinta-feira, 06/01, as chuvas fizeram com que a captação se recuperasse e chegasse em 1,40m. Segundo o gerente da CORSAN, Claudiomiro Ferreira, hoje Alvorada não corre o risco de racionamento, mas se a estiagem se prolongar, há essa possibilidade. Por causa disso, é importante que as chuvas sejam mais frequentes.

Além disso, uma série de ações foram promovidas na região. Já está em período de testes conclusivos e de condições de atuação um novo equipamento de bombeamento. A ideia é ampliar o bombeamento de água bruta do arroio das Garças para o sistema integrado de Alvorada e Viamão. Com isso, a expectativa é de que ocorra uma ampliação de 150 l/s.

Questionado sobre o bombeamento do arroio das Garças, Ferreira explica que a captação está apta para uso, mas que ainda não precisou ser utilizada

Existem dois investimentos previstos para ocorrer e que também contemplam Alvorada. São eles: novas obras para o sistema de abastecimento de água de Viamão, que permitirá a sobra de 750 L/s do sistema de Alvorada e Viamão para Gravataí; e a adutora Alvorada-Gravataí, que possibilitará o incremento de vazões no abastecimento de Gravataí, decorrente da sobra obtida com as novas obras do sistema de Viamão.

Segundo o gerente, estão sendo realizadas várias ações e a estatal trabalha também na conscientização da população sobre o uso racional da água, melhorias na captação e instalação de inversores de frequência. “Há várias projetos e obras em curso para mitigar os efeitos da estiagem, como por exemplo novas adutoras de água bruta e tratada, programas de redução de perdas e a nova ETA de Viamão”, finaliza.

Orientações

Nesse contexto crítico, é vital a cooperação de toda a população, praticando o uso responsável da água. Com esse propósito, está circulando uma campanha de conscientização da CORSAN, intitulada Verão 360°. A campanha se alinha ao movimento Água 360° e sugere cuidados com a água e o meio ambiente. A ideia é orientar o contribuinte sobre o uso consciente.

• Não lave o carro nem a calçada.
• Não tome banhos demorados.
• Não deixe a torneira aberta se não estiver usando.
• De forma geral, não desperdice água, usando somente o necessário

COMENTÁRIOS ( )