Quarta-Feira, 23 de Junho de 2021 |

Parque Municipal da Lagoa do Cocão completa dois anos desde sua revitalização

Atualmente o espaço está fechado por conta da pandemia, mas anteriormente era utilizado para vários eventos distintos

Por Redação em 19 de Março de 2021


Desde sua inauguração, o Parque Municipal Lagoa do Cocão tem sido referência como principal ponto turístico socioambiental de Alvorada após ter recebido investimentos de mais de R$ 2 milhões da Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN).

Estes valores foram repassados numa contrapartida ambiental dos trabalhos que a estatal vem realizando no município. A revitalização anunciada em junho de 2014 pelo ex-governador Tarso Genro (PT) demorou quase cinco anos para ser concluída.

No entanto, a administração do prefeito José Arno Appolo do Amaral (MDB) se encarregou de colocar em prática a obra e inaugurou o local no dia 22 de março de 2019. O parque conta com dois decks de contemplação, quadras de futebol sete e poliesportiva, academia ao ar livre, jogos de mesa, estar de pedras, banheiros e vegetação que compõe o paisagismo.

Atividades

Conforme conta o biólogo da Secretaria de Meio Ambiente (SMAM), Sandro Ribeiro, além de sua principal finalidade de preservar uma área natural de proteção permanente, onde se tem o afloramento do lençol freático em um topo de morro (evento geológico raro), formando um espelho d'água, a Lagoa também abriga uma quantidade significativa de espécies da fauna e da flora nesse ecossistema. “Na relação ser-humano x natureza, conseguimos harmonizar a utilização desta área com lindos espaços de contemplação, dispondo também de áreas de lazer, prática de esportes e atividades físicas contribuindo para uma melhor qualidade de vida”, avalia.

Ribeiro lembra que o Parque também possibilita o desenvolvimento de projetos de educação ambiental e anteriormente eram realizados outros eventos como comemorações de aniversário, chás de bebês, pique niques, vídeos de formaturas e outros. “Antes do início da pandemia, recebíamos periodicamente os alunos das escolas para participarem de uma trilha orientada com diversas atividades educacionais, após uma prévia apresentação virtual preparatória para a atividade de campo desenvolvida na escola por nossa equipe”, conta.

Cafeteria

Conforme o projeto do lugar, além de toda a infraestrutura, outro espaço que o Parque teria à disposição é uma cafeteria dentro de um container. No entanto, este local estava sendo utilizado para a Guarda Municipal.

Sobre isso, o biólogo disse que está sendo finalizado um novo posto da guarda dentro do parque que será inaugurado e assim o espaço do café será liberado. “O container que conforme projeto inicial abrigaria uma cafeteria já está disponível para complementação do processo de licitação para exploração do espaço. O que não teve andamento devido à pandemia”, fala.

Atualmente, duas empresas possuem um contrato de adoção para colaborar na manutenção do Parque enquanto que a SMAM busca outras que queiram aderir o projeto: Nacional do Aço Comércio e Participações Ltda e Construtora Vascocivitas.

COMENTÁRIOS ( )