Segunda-Feira, 02 de Agosto de 2021 |

Sala Verde Ligia Rockenbach desenvolve ações no mês de junho voltadas para a conscientização do saneamento

Programação faz parte das celebrações do Dia do Meio Ambiente, comemorado em 05 de junho

Por Redação em 18 de Junho de 2021

"A SMED divulgou os materiais necessários para quem quiser fazer sabão com óleo de cozinha" (Foto: Divulgação)


O mês de junho é marcado por uma série de ações em todo o mundo relacionados ao meio ambiente. Isso porque no dia 05 é celebrado o Dia do Meio Ambiente. Normalmente, em anos “normais”, as escolas realizam uma série de atividades e oficinas alusivas a data. Além disso, o dia é escolhido para o plantio de árvores na cidade. Contudo, devido a pandemia da Covid-19, esse ano foi atípico.

Ao invés das oficinas em sala e seminários, a Sala Verde Ligia Rockenbach – departamento da Secretaria de Educação (SMED) – está desenvolvendo oficinas remotas que podem ser acompanhadas por pais e alunos. “Nós estamos fazendo vídeos e atividades interativas através dos meios de comunicação. Um exemplo disso é a oficina de sabão”, explica Olga Nunes, uma das coordenadoras do espaço.

Oficinas como essas já foram temas de atividades voltadas para outros grupos. Em 2018, a Secretaria de Meio Ambiente (SMAM) e a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER) desenvolveram oficinas semelhantes para a população em geral, mas que contou com grande adesão das pessoas que participam de CRAS pelo município. Dessa vez a SMED está focando nos alunos da rede pública de ensino.

Segundo Olga, atividades como essas são de suma importância e a ideia é poder conscientizar a população sobre os cuidados no descarte do óleo de cozinha. “Fazer o armazenamento correto do óleo de cozinha usado, descartando-o adequadamente. E ainda, podendo reaproveita-lo na confecção de sabão como uma demonstração de sustentabilidade”, enfatiza a servidora pública.

A ideia da equipe da Sala Verde Ligia Rockenbach é de desenvolver esse cuidado e pensamento com a sustentabilidade nos alunos. Para isso, serão lançados durante o mês dicas e atividades sobre cuidados e reaproveitamento. Entre as ações planejadas estão a oficina de saboaria natural (em vídeo) e atividades na plataforma de ensino remoto utilizada pela SMED.

A coordenadora explica que é importante desenvolver temas como esses nas escolas e, por isso, serão atendidas todas as instituições municipais – desde os alunos até a comunidade em geral. “A conscientização de que fizemos parte do meio ambiente e que precisamos cuida-lo fazendo a nossa parte, separando e armazenando corretamente os resíduos que produzimos, dando o destino adequado”, pondera Olga.

Além da oficina de saboaria, a Sala Verde Ligia Rockenbach também pretende desenvolver trabalhos voltados para a separação e descarte correto de resíduos e para o uso correto e descarte de máscaras – temática desenvolvida devido a pandemia da Covid-19. Outro tema que deve ganhar força é o trabalho envolvendo composteiras e hortas em casa.

Contudo, Olga explica que a ideia era poder ter desenvolvido todas essas ações de forma presencial e que já havia um cronograma de atividades que não puderam ser realizadas devido a pandemia. “Oficinas presenciais nas escolas, reformulação das hortas escolares, visitas orientadas no Parque Municipal Lagoa do Cocão e visitas no Horto Municipal para presenciarem os ecossistemas’, destaca a coordenadora.

Materiais e receita

A dica da SMED é o reaproveitamento do óleo de cozinha usado. Após utilizar o óleo, deixe esfriar por pelo menos 30 minutos. Com a ajuda de um funil, coloque o material em uma garrafa de plástico e feche bem para evitar vazamentos, odores e insetos. Quando tiver 1 litro, você poderá produzir um sabão ótimo para lavar panos de prato e dar brilho nas panelas.

COMENTÁRIOS ( )