Domingo, 26 de Setembro de 2021 |

Editorial

A importância da imparcialidade

Por Redação em 30 de Julho de 2021


Vivemos um período difícil e de críticas constantes à imprensa brasileira. Não é de hoje que isso acontece, mas com o crescimento de fake news e de polarização da política isso ganhou mais força. Infelizmente cada vez mais veículos de comunicação são acusados de imparcialidade por fazer matérias que critiquem lado A ou lado B ao invés destes mesmos lados olharem os erros de fato, se efetivamente aconteceram, e não quem os denuncia.

Os jornais e seus jornalistas são os cães de guarda da sociedade. Eles são os responsáveis por denunciar tudo o que de errado acontece e é por isso que nós nos formamos jornalistas e fazemos um juramento pela verdade. Sempre pela verdade. Contudo, as acusações são constantes e isso já aconteceu em determinados momentos também com o Jornal A Semana.

Já nos acusaram de ser um veículo de direita, de ser um veículo de esquerda ou de ter relações com partidos políticos da cidade. Muitas vezes isso aconteceu na mesma semana. Curioso, não é? Porém para nosso Jornal Semana isso é engraçado. Engraçado porque numa em sete dias já tentaram nos taxar de vários lados exatamente por criticarmos ou falarmos de todos, sem distinção de bandeira ou posição.

O nosso slogan deixa bem claro: nosso compromisso é com a verdade. Isso doa a quem doer. Quem assina o Jornal A Semana ao longo desses mais de 30 anos sabe muito bem disso. Sempre trabalhamos para informar os nossos assinantes sobre o que acontece na cidade. Questões político-partidárias não entram na reunião de pauta, pois não consideramos isso um fator notícia.

Muitos nos questionam – mais de uma vez – se temos filiação partidária, temos lado ou temos posicionamento. Com certeza todos que trabalham no Jornal A Semana tem seus ideais, mas isso nunca interfere no que será ou não será matéria. As opiniões políticas de cada um ficam no lado de fora da redação. No lado de dentro o compromisso é com a verdade, com os assinantes e com a ética jornalística.

Uma prova disso são as manifestações que ocorrem a favor e contrárias ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Foram feitas reportagens nas duas situações. Ambas as vezes evitando figuras políticas e focando na sociedade civil que participava. Isso com todos os cuidados para noticiarmos o que de fato aconteceu. É de suma importância noticiar a verdade e ser imparcial para manter a credibilidade de mais de 30 anos.

COMENTÁRIOS ()