Sbado, 25 de Setembro de 2021 |

Editorial

Investir na educação deve ser prioridade

Por Redação em 27 de Agosto de 2021


As boas práticas precisam ser celebradas! Sabemos que, muitas vezes, Alvorada é taxada negativamente, mas isso precisa mudar e, para isso, o jornal tem um papel essencial. Nós da imprensa somos responsáveis por noticiar o que aconteceu de ruim, mas também o que acontece de bom. A imparcialidade deve ser o que nos guia e o valor notícia deve ser sempre respeitado.

Felizmente nesta semana temos uma excelente notícia: o investimento de R$ 6 milhões na compra de notebooks para todos os profissionais da educação. Isso é investir na informatização e na modernização do estudo em um momento tão complicado como o que vivemos. A educação sofreu no último ano devido à pandemia e ver este investimento sendo feito é um sopro de esperança.

Inúmeras reclamações tinham enquanto as aulas estavam 100% no modelo online, eram dificuldades ao acesso à informática e à internet – isso tanto por parte de pais como também de professores. Investir na educação e na informatização é um passo que precisa ser dado. Se tivesse sido dado no passado talvez os problemas fossem menores hoje, mas em algum momento ele precisava ser dado.

A reportagem do Jornal A Semana acompanhou uma dessas entregas e o sentimento dos professores em receber equipamentos é algo que comove quem está perto. Principalmente quando a primeira escola foi a EMEI Pedro Antônio, que está em um dos bairros mais carentes do município. A realidade do Umbu é comovente e necessita muito de atenção.

Diversas pessoas podem pensar que essa não é a prioridade, mas sim tapa buracos – infelizmente isso é o que muitos pensam. Contudo, investir na educação é investir no futuro e é pensar que podemos mudar o amanhã. Obviamente que o trabalho é de formiguinha, mas precisa ser feito. Quanto mais se investe em educação hoje, menos precisará ser investido em outras áreas no futuro.

Que mais momentos comoventes como o de hoje se repitam. Que os equipamentos entregues sirvam para a comunidade escolar. Obviamente que é um investimento alto e que precisa ser fiscalizado, mas sempre que o investimento for na qualificação da educação pública, o Jornal A Semana divulgará. Porque investir em educação é prioridade e tem valor-notícia e não bandeira política.

COMENTÁRIOS ()