Sexta-Feira, 23 de Julho de 2021 |

Você Lembra?

1530 - ANDERSON

Por Redação em 16 de Julho de 2021


Anderson, o nosso entrevistado nesta edição, foi um bom volante que marcou presença com marcantes atuações em vários clubes brasileiros e italianos. O seu nome completo é Anderson Luís Schweitzer, sendo catarinense de Florianópolis, onde nasceu no dia cinco de abril de 1974. Iniciou suas atividades esportivas na base do Inter em 1992, onde se profissionalizou. Em 1995 o Inter era escalado com Goicochea; Ronaldo, Argel, Jonilson e Branco; Marcio, Anderson e Caíco; Mazinho Loyola, Valber e Leandro. No ano seguinte a equipe colorada era André; Célso Vieira, Marcio Rossini, Régis e Vinicius; Fernando, Anderson e Marcelo; Fabinho, Leandro e Yan. Em 1997 a escalação vermelha era André; Régis, Márcio, Luciano e Gustavo; Anderson, Sandoval e Marcelo; Fabiano, Christian e Odair. Em 1999, seu último ano no Beira Rio o Inter ia a campo com Preto; Lúcio, Gonçalves, Ronaldo e Enciso; Anderson, Dunga e Lúcio Flávio; Fabiano, Celso e Elivelton. Em 2000 Anderson foi contratado pelo Santos que formava com Carlos Germano; Michel, André Luiz, Claudiomiro e Rubens Cardoso; Anderson, Rincon e Robert; Eduardo Marques, Dodô e Renatinho. Em 2001 retornou ao Beira Rio integrando uma equipe que jogava com Hiran; Bruno, Fábio Luciano, Gilmar Lima e Eros Perez; Anderson, Leandro e Jackson; Fabiano, Leandro Machado e Luiz Cláudio. No mesmo ano foi contratado pelo Juventude que em 2002 atuava com Diego; Mineiro, Indio, Renato Benatti e Denis; Anderson, Dionathan e Michel; Cláudio Pitbull, Leonardo Manzi e Felipe. Nesse mesmo ano foi para o futebol italiano contratado pelo Veneza, onde permaneceu até 2005. No ano seguinte foi contratado pelo Bréscia, a seguir defendeu o Pádova e o Potenza. Em 2010 retornou para o futebol brasileiro para defender o Criciuma, onde encerrou a sua movimentada carreira como atleta de futebol. Anderson considera que Abel Braga, Carlos Alberto Parreira, Ricardo Gomes e Celso Roth foram os melhores técnicos que teve a orientá-lo. Os melhores volantes que viu em ação foram Fernando, Élcio, Dunga, Rincon, Amerin, Makelelê, Gotuso e Mauro Silva. Os seus gols inesquecíveis foram marcados nos jogos do Inter X Ponte Preta em 1999 e Santos X Palmeiras em 2000. Os seus ídolos nos gramados são o Dunga e Gotuso. Hoje Anderson reside em Florianópolis onde compra imóveis em leilão. Assim, resgatamos a história futebolística do Anderson Luís Schweitzer, o Anderson que inegavelmente foi um bom volante de nosso futebol que marcou presença no futebol brasileiro e italiano.

COMENTÁRIOS ()