Sexta-Feira, 01 de Julho de 2022 |

Você Lembra?

1572 - JADILSON

Por Redação em 20 de Maio de 2022


Jadilson, o nosso entrevistado nesta edição foi um bom defensor com marcantes passagens por vários clubes de diversos estados brasileiros. O seu nome completo é José Jadilson dos Santos Silva, sendo alagoano de Maceió, onde nasceu no dia quatro de dezembro de 1977. Iniciou suas atividades esportivas na Portuguesa de Desportos em 1999 que atuava com Fabiano; Alexandre Chagas, Emerson, Fabricio e Jadilson; Simão, Sandro Fonseca e Alexandre; Leandro, Ailton e Evandro. No ano seguinte foi para o Guarani de Campinas que era escalado com Gilberto; Sangaletti, Ernan, Glauber e Jadilson; Luciano Baiano, Fausto, Henrique e Guaru; Marcinho, Fumagalli e Zé Carlos. Em 2002 teve uma passagem pelo futebol japonês retornando no ano seguinte para o Fluminense que era escalado com Kleber; Jancarlos, César, Zé Carlos e Jadilson; Marcão, Marciel, Alex Oliveira e Carlos Alberto; Fábio Bala e Romário. Em 2004 foi contratado pelo Paraná que ia a campo com Flávio; Cláudio, Gelson Baresi, Carlinhos e Jadilson; João Victor, Goiano e Fernando; Jean Carlos, Athos e Fábio Oliveira. No ano seguinte foi para o Goiás que atuava com Harley; Cleber, Julio Santos, Aldo e Jadilson; Danilo Portugal, Paulo Baier e Tiago; Rodrigo Batata, Michel e Aldrovani. Em 2006 o Goiás era escalado com Harley; Victor, Leonardo, Rogério e Correia; Júlio Santos e Jadilson; Danilo Portugal e Fernando; Romerito, Wellington e Souza. Em 2007 foi para o São Paulo. O tricolor paulista em 2008 atuava com Rogerio Ceni; Alex, André Dias e Miranda , Ilsinho, Souza, Josué, Hugo e Jadilson; Dagoberto e Aloisio. Em 2009 veio para o futebol gaúcho defender o Grêmio que jogava com Victor; Mario Fernandes, Léo, Réver e Jadilson; Adilson, Fábio Rochenbach , Tcheco e Souza; Maxi Lopes e Jonas. A seguir defendeu o Treze de Campina Grande-PB, Anapolina de Goiás, CRB, Pelotas e Remo quando encerrou sua movimentada carreira como atleta de futebol. Jadilson considera que Murici, Renato Gaúcho, Geninho, Celso Roth, Celso Teixeira e Paulo Comelli, Foram os melhores treinadores que teve a orientá-lo. Roberto Carlos foi o melhor lateral esquerdo que viu em ação. O seu gol inesquecível foi consignado no jogo Fluminense X São Paulo em 2003. O seu ídolo nos gramados é Ronaldo Nazário. Assim resgatamos a trajetória futebolística de José Jadilson dos Santos Silva, que inegavelmente foi um bom lateral que marcou presença em vários clubes de diversos estados brasileiros.

COMENTÁRIOS ()